Éinevitável. Em algum momento da sua jornada de aprendizado você vai encontrar um certo desafio chamado “vocabulário”. E muitas pessoas me perguntam “Ina, como eu posso aumentar meu vocabulário em inglês?” Não tem segredo (e nem moleza!), é super simples e eu vou ensinar você!

Aprender vocabulário é uma simples consequência dos seus estudos, mas não é qualquer estudo, é um estudar da maneira correta usando frases e textos. Aprender palavras soltas é uma perda de tempo, pois sem o contexto você não irá fazer as associações neurais necessárias para reter aquela informação na sua memória de longo prazo. Quando você insere uma palavra em uma frase, ou seja, em um contexto, essa palavra virá associada com uma imagem e não uma simples imagem, mas como eu disse, em um contexto. Deixa eu te dar um exemplo: vamos supor que eu te ensine a palavra maçã (apple). Se eu simplesmente mencionar essa palavra sem nenhuma outra informação associada à ela a probabilidade de você lembrar desta palavra mais tarde é menor do que se a colocarmos em uma frase e, melhor ainda, se for em um texto. Se eu te disser “Snow White took the APPLE (a Branca de Neve pegou a maçã), além de você já aprender algumas estruturas do inglês, você já irá imaginar o cenário onde a tal da maçã está inserida. Melhor ainda se houver uma história sobre uma tal de branca de neve que pega uma maçã, faz sentido?

 

Aprender palavras soltas é uma perda de tempo.

Quando eu comecei a estudar inglês me ensinaram que eu deveria primeiro aprender o nome dos objetos, dos animais e das cores para depois ir montando frases com essas palavras. Eu descobri mais tarde que este método me trazia pouquíssimos resultados e que eu deveria fazer justamente o contrário, estudar frases e textos e que então, essas novas palavras, seriam assimiladas como consequência da compreensão do contexto onde elas estavam inseridas.

E ainda me perguntam: “…mas Ina, e se eu estudar as 2 mil palavras mais usadas no inglês não será mais efetivo?”. E eu digo: “Se você estudar textos e frases as palavras mais usadas em inglês já estarão inseridas por lá” (se não elas não seriam as mais usadas, certo?). Eu tenho certeza que além de um estudo mais efetivo será também muito mais interessante e, não é por nada não, mas eu acho muito chato ficar decorando um monte de palavras soltas sem nenhum contexto. Não sei você, mas isso com certeza me desanima bastante na hora de estudar! Uma outra vantagem é que ao estudar frases e textos você também estará estudando a gramática que já está inserida nas estruturas da língua, ou seja, você irá obter muito mais resultados.

E aqui fica também minha dica de ouro: você deve estudar textos e frases sobre assuntos que você se identifica! Pense, sobre o que você gosta de falar, trocar e aprender? Se esse assunto é interessante pra você em português porque isso seria diferente em inglês? Você gosta de futebol, viagem, política ou espiritualidade em português? Então esteja atento a como as pessoas falam sobre esses assuntos em inglês também, pois a maior parte dos textos em inglês usam um vocabulário comum. Logo, não importa o assunto e independente do texto que você estudar, você estará aprendendo as palavras e estruturas mais importantes do idioma. Assim como no português, as palavras específicas irão variar, pois obviamente estão relacionadas ao tema.

“Se você estudar textos e frases as palavras mais usadas em inglês já estarão inseridas por lá”

Eu também recomendo que você utilize uma ferramenta de repetição espaçada (SRS), isso irá beneficiar de maneira significativa a retenção das informações na sua memória. Para que este método seja realmente efetivo é muito importante que você utilize frases em inglês e não apenas palavras soltas.

Conforme você se expõe ao idioma através de filmes, rádio, podcasts, revistas, livros, etc a absorção do conteúdo passa a ser inevitável.

Eu tenho certeza que se você seguir estas orientações você será muito bem sucedido no seu aprendizado.

Me diga nos comentários abaixo se gostou dessa dica e como ela te ajudou a entender um pouco mais dessa estratégia de aprendizado. Aproveite e compartilhe nas suas redes sociais, pois além de ajudar o blog, você com certeza irá contribuir com o aprendizado dos seus amigos.

Bons estudos!

See you!!!


Quer Fazer Parte da Lista VIP?

Ao assinar, você se tornará VIP e se juntará a milhares de outros estudantes que recebem em primeira mão conteúdos inéditos e exclusivos, além de receber, antes do público em geral, os e-books e outros materiais que eu crio e disponibilizo primeiro para quem é VIP. E tudo o que eu enviar através desta lista você receberá de GRAÇA! Você não paga nada pra fazer parte da nossa lista VIP.

Nunca lhe enviaremos SPAM. Powered by ConvertKit